|

Estratégia, tecnologia, análise de dados e um planejamento logístico bem estruturado, estão sendo ferramentas importantes para embarcadores e transportadoras terem um diferencial competitivo.

Isto porque contar com processos bem definidos em um planejamento logístico pode trazer diversos benefícios para seu negócio. Como é o caso da redução de custos da operação, aumento da produtividade, segurança e satisfação do cliente.

Dessa forma, se você quer saber como montar um planejamento logístico eficiente para sua empresa, preparamos este conteúdo. Continue a leitura até o final e anote esses pontos.

O que é planejamento logístico?

O planejamento logístico diz respeito aos processos de transporte de carga e seu armazenamento, e isso inclui os meios de execução e suas possíveis variáveis.

É justamente sobre as variáveis que o planejamento logístico vai atuar. Isso porque ele inclui práticas, técnicas e recursos, além de dados para monitorar a frota. Assim, é possível ter um maior controle e aproveitamento dos recursos para manter as atividades em máxima eficiência.

Qual a importância de um bom planejamento logístico?

A importância do planejamento logístico é justamente a oportunidade de traçar os objetivos, prever e reunir recursos necessários para que a operação seja realizada dentro do prazo e traga satisfação do cliente.

Com um bom planejamento, é possível melhorar o armazenamento e a distribuição dos insumos, dando vantagem competitiva ao negócio.

Isso acontece porque a empresa melhora seu processo de gestão de fornecedores até a entrega ao cliente. Isso é feito através de processos definidos, erros identificados e decisões assertivas.

Descubra em qual estágio está a sua operação logística

Quais as etapas do planejamento logístico

É fundamental ter um plano bem estruturado que considere todas as variáveis envolvidas no planejamento logístico. Confira quais são as principais etapas para um planejamento eficiente:

  1. Coleta de informações e análise de requisitos: A primeira etapa do planejamento logístico é coletar todas as informações necessárias e analisar os requisitos do transporte de cargas. Isso inclui entender as necessidades do cliente ou remetente, as características da carga, as restrições legais e regulamentares, as condições da infraestrutura de transporte e os prazos de entrega.
  2. Roteirização e seleção de modais: nessa etapa é feita a roteirização e seleção dos modais de transporte mais adequados. Isso envolve definir a rota a ser seguida, considerando fatores como distância, o tipo de modal que atenda às demandas, tempo de viagem, infraestrutura disponível e restrições específicas do transporte de cargas.
  3. Contratação de fornecedores de transporte: a etapa seguinte é a contratação de fornecedores de transporte. Isso envolve selecionar e negociar com transportadoras, operadores logísticos ou agentes de carga que possam atender às necessidades da carga.
  4. Gestão de estoque e embalagem: outra etapa essencial do planejamento logístico é a gestão de estoque e embalagem. Isso inclui garantir que a carga esteja devidamente embalada e protegida para o transporte, evitando danos e perdas. Além disso, é necessário monitorar o estoque, verificando a disponibilidade da carga e garantindo que haja material suficiente para atender à demanda.
  5. Monitoramento e rastreamento: durante todo o processo de transporte, é fundamental monitorar e rastrear as cargas. Isso permite acompanhar a localização em tempo real, garantir a conformidade com os prazos de entrega e tomar medidas corretivas em caso de imprevistos. O uso de tecnologias como sistemas de rastreamento por GPS e softwares de gestão logística facilita o monitoramento e fornece informações valiosas para a tomada de decisões.
  6. Avaliação e melhoria contínua: por fim, a etapa de avaliação e melhoria contínua é essencial para garantir a eficiência e a qualidade do transporte de cargas. É importante analisar os resultados alcançados, comparando-os com os objetivos estabelecidos. Isso permite identificar pontos fortes e fracos, identificar oportunidades de melhoria e implementar ações corretivas.

Quais as boas práticas para aplicar e ter eficiência no planejamento logístico?

O planejamento logístico deve ser capaz de fazer funcionar uma grande engrenagem envolvendo pessoas e processos. Veja, a seguir, as principais práticas para aplicar e ter eficiência no planejamento logístico.

Controle do estoque

Na logística da cadeia de suprimentos, controlar as entradas e saídas de produtos no estoque é essencial. Você pode fazer isso através de softwares de gestão e monitoramento em tempo real da sua operação.

A partir do momento que você controla melhor o seu estoque, você consegue ajustar com fornecedores, aproveitar melhor a matéria prima e insumos, reduzir custos e agilizar as entregas sem precisar guardar por muito tempo o produto em estoque.

Monitoramento da operação

Armazenamento e transporte de produtos são dois pontos que devem ser constantemente revisitados quando o assunto é planejamento logístico.

O armazenamento para garantir a integridade do produto em caso de necessitar de uma armazenagem específica, como é o caso de produtos que precisam de um controle específico da temperatura, como a carga refrigerada.

Já no transporte de produtos, o desafio é ensinar aos profissionais como fazer o manuseio correto da carga.

Tudo isso pode ser acompanhado através do monitoramento em tempo real da operação, pois muitos erros podem ser evitados desde a carga até a descarga da mercadoria.

Segurança da carga através do planejamento logístico

A segurança das cargas deve integrar o planejamento logístico de forma consistente.

Para isso, é preciso investir em planejamento de rota e também monitoramento da carga em trânsito. Além disso, também é importante contar com uma boa gerenciadora de riscos para tomar decisões assertivas e executar as diretrizes do planejamento logístico.

Algumas questões envolvendo o planejamento logístico e a segurança da carga requerem:

  • verificação de dimensões dos veículos;
  • avaliação do índice de sinistralidade de estradas e vias;
  • controle rígido de manutenções dos veículos, entre outras.

Análise de indicadores de desempenho

Um planejamento logístico eficiente deve contar com indicadores de desempenho. Dessa forma, será possível corrigir estratégias, ou mesmo continuar investindo mais naquelas que trazem os melhores resultados para a operação logística de determinado negócio.

Esses indicadores de desempenho são obtidos por meio de softwares, que são ferramentas capazes de fornecer uma base de apoio para a tomada de decisões, formadas por dados cadastrados de forma diária.

Esses indicadores podem estar relacionados:

  • à fidelidade dos registros;
  • ao número de itens transportados em certo período;
  • ao tempo das movimentações;
  • ao cumprimento de metas pela equipe, entre outros pontos importantes.

Relação confiável com fornecedores

Estabelecer uma relação confiável com os fornecedores também é fundamental para o sucesso dos seus processos logísticos. Esses são os prestadores de serviços, funcionários e parceiros que fazem toda a operação ser executada com êxito e dentro do prazo.

Vale lembrar que o time de trabalho deve estar engajado com as diretrizes da empresa para que o sucesso das atividades possa acontecer da melhor forma possível.

Contar com recursos tecnológicos

A tecnologia está presente em todos os mercados, e não é diferente quando o assunto é logística. Ela faz com que grande parte das tarefas sejam automatizadas, além de tornar a comunicação mais rápida e também fluida entre as equipes envolvidas nos processos.

Além disso, ao contar com a tecnologia no planejamento logístico, as chances de erros são diminuídas uma vez que é possível manter os processos claros.

Quais pontos atentar para garantir um planejamento logístico eficiente?

Listamos a seguir quatro pontos que merecem sua atenção na hora de pensar em logística:

  • Planejamento de coletas e entregas com foco na digitalização das programações de cargas, otimizando tempo e agilizando o processo.
  • Seleção de parceiros de transporte que estejam preparados para as novas demandas e exigências do mercado e alinhados à sua estratégia.
  • Reforço na segurança e gerenciamento de ações para reduzir os riscos de sinistros, com acompanhamento online, automatizado e em tempo real.
  • Uso de tecnologia e conexões em sinergia com a logística 4.0, visando à produtividade, redução de tempo, custo e mais visibilidade operacional.

Além disso, contar com uma empresa especializada em gerenciamento de riscos pode ser uma solução para melhorar diversos aspectos da sua empresa, não apenas o logístico.

Confira a seguir como a Opentech pode ajudar seu negócio a manter eficiência e segurança.

Como a Opentech pode ajudar a melhorar a eficiência com planejamento logístico

Com as soluções de gerenciamento de carga da Opentech, você tem à sua disposição um sistema de visibilidade logística que oferece o monitoramento de todas as etapas do transporte: planejamento, coleta, viagem e entrega.

Com a nossa central de monitoramento 24 horas, por exemplo, você conta com todos os recursos que a sua empresa precisa para acompanhar em tempo real a carga.

Open SIL

Sistema integrado que possibilita uma atuação ativa com visibilidade em tempo real para monitoramento logístico de veículos e cargas.

Torre de controle

Junção de pessoas, processos e tecnologia para operacionalização e gestão logística de uma operação em tempo real para decisões mais assertivas.

Webinar - Descubra como implementar a Torre de Controle Logístico na sua operação - Opentech

Dashboard

Gestão à vista e visibilidade dos principais indicadores da sua operação para tornar mais ágil e adequada a tomada de decisão.

Controle de Temperatura

Monitoramento em tempo real que observa os desvios dos parâmetros aceitáveis de temperatura por tipo de produto.

Rastreamento

Monitoramento de viagens com apoio de inteligência artificial e visibilidade de quebras de procedimentos em sua operação, permitindo a atuação imediata da central para eliminação da exposição ao risco.

Inteligência e investigação

Time de inteligência e investigação dedicado 24 horas, com força de campo, estudos e auditoria de processos. Tudo isso visando mapear riscos e reduzir a exposição no transporte, com mais prevenção e aumento no índice de recuperação de cargas.

Checklist

Sistema de ação com sensores e atuadores para conferência preventiva da viagem, tornando mais eficiente e confiável o transporte da carga.

Cadastro e pesquisa

Solução ágil que consulta os dados de veículos e profissionais que farão o transporte da carga.

PPA

Programa de prevenção de acidentes que une ações, treinamentos, sistemas e análises através de dados para melhorar a qualidade da operação.

Universidade

Ambiente on-line de ensino (EaD) com cursos e treinamentos voltados para área de transporte, logística e gerenciamento de riscos, além de cursos customizados para operações complexas.

Quer entender melhor como as nossas soluções podem ser implementadas na sua empresa, elevando a eficiência e a produtividade na sua operação? Clique aqui e converse com nossos especialistas.

To top