|

A torre de controle logístico é uma estratégia fundamental para empresas que buscam aprimorar a eficiência, reduzir custos e garantir a visibilidade de suas operações.

Com a capacidade de integrar dados em tempo real, facilitar a coordenação entre diferentes partes da cadeia de suprimentos e permitir uma tomada de decisão ágil e acertada, a torre de controle tem se mostrado crucial para empresas que buscam elevar seus resultados.

Este guia completo tem como objetivo fornecer uma visão abrangente e prática sobre a implementação de uma torre de controle logístico, destacando as etapas essenciais, melhores práticas e benefícios. Continue a leitura para conferir!

O que é uma torre de controle logístico?

Uma torre de controle logístico é um conceito utilizado na gestão da cadeia de suprimentos e na logística de uma empresa.

É uma abordagem centralizada para monitorar e coordenar o fluxo de produtos, informações e recursos ao longo de toda a cadeia de suprimentos.

Essa torre é responsável por integrar e sincronizar várias atividades logísticas, como:

  • Transporte;
  • Armazenamento;
  • Gerenciamento de estoques;
  • Distribuição.

Normalmente, as principais corporações que adotam a torre de controle são aquelas de grande porte que despacham e coordenam sua cadeia de suprimentos.

Para isso, buscam precisão e eficiência no processo de coleta, transporte e entrega de suas mercadorias.

O planejamento do transporte, a identificação de eventuais sinistros e o monitoramento das atividades são fatores essenciais que asseguram a qualidade da carga, e estão entre as demandas que requerem decisões bem fundamentadas.

Veja, a seguir, como a torre de controle pode auxiliar em pontos essenciais para o sucesso da operação:

Planejamento do transporte

Ao antecipar o planejamento do transporte, é possível estabelecer prazos, paradas autorizadas e rotas seguras. Qualquer imprevisto é previamente comunicado, garantindo transparência operacional para todas as partes envolvidas.

Como identificar sinistro de veículo

Se você está se perguntando como identificar sinistro de veículo, saiba que uma torre de controle logístico não se limita à proteção somente da carga, mas também garante a segurança dos veículos e, sobretudo, da equipe.

Nesse cenário, a vigilância contínua da frota por meio de tecnologia via satélite é executada 24 horas por dia e os resultados são otimizados quando a torre de controle opera em perfeita harmonia com as práticas sólidas de gerenciamento de riscos.

Como classificar a qualidade da carga

Já quando o assunto é como classificar a qualidade da carga, é importante saber que cada operação apresenta suas próprias peculiaridades.

Um exemplo de fator que influencia na qualidade da carga é a temperatura dos produtos refrigerados.
Cada item que requer resfriamento tem sua temperatura ideal específica, o que exige um cuidado minucioso, e a torre de controle desempenha um papel crucial nessa tarefa.

O uso do dashboard para melhorar a eficiência logística

O uso do dashboard para melhorar a eficiência logística é uma prática capaz de proporcionar uma visão clara e abrangente das operações em tempo real.

Ao consolidar e visualizar dados essenciais em um único painel, os dashboards podem fornecer insights valiosos e ajudar os gestores a tomar as melhores decisões.

Assim, com os recursos de visualização e análise de dados oferecidos pelos painéis de controle, as empresas podem otimizar os processos logísticos, melhorar a eficiência operacional e oferecer um serviço mais confiável e de qualidade aos clientes.

Origem da Control Tower

Desde 1920, quando foi construída a primeira Control Tower ou torre de controle aéreo do mundo no principal aeroporto de Londres, a segurança e eficiência do transporte de passageiros e mercadorias pelos céus aumentou significativamente.

Da mesma forma, o setor de transporte rodoviário também precisa adotar tecnologia, processos eficientes e profissionais capacitados para garantir uma gestão logística eficaz. Somente no Brasil, em 2022, foram identificados 2,16 milhões de caminhões registrados pertencentes à frotas brasileiras, segundo o Sindicato Nacional da Indústria de Componentes para Veículos Automotores (Sindipeças).

Por isso, as torres de controle logístico, que desempenham um papel fundamental na logística aérea, estão se tornando cada vez mais importantes também em terra.

Esse sistema é uma ferramenta essencial para aqueles que desejam melhorar o desempenho da distribuição de cargas rodoviárias e monitorar as operações de forma inteligente. Afinal, processos logísticos complexos precisam ser acompanhados em tempo real.

Quais os pilares e características da torre de controle logístico?

A torre de controle com seus pilares de visibilidade abrangente, coordenação integrada e monitoramento em tempo real, desempenha um papel fundamental no aprimoramento da eficiência operacional.

Além disso, ainda contribui para a otimização da tomada de decisões e na garantia de uma resposta ágil a possíveis desafios ao longo da cadeia de suprimentos. Isso acontece por meio de três pilares básicos:

Tecnologia

A torre de controle logístico se baseia em tecnologia avançada, como sistemas de rastreamento por GPS, IoT (Internet das Coisas) e análise de dados em tempo real.

Essas tecnologias permitem o monitoramento contínuo e a coleta de dados precisos, essenciais para a tomada de decisões informadas e a coordenação eficaz das operações logísticas.

Pessoas

A colaboração e o engajamento de pessoas da equipe são fundamentais para o sucesso da torre de controle logístico.
A capacitação contínua e o desenvolvimento de habilidades são essenciais para garantir que as equipes possam compreender e utilizar efetivamente as ferramentas tecnológicas disponíveis.

Além disso, uma cultura organizacional que valorize a comunicação aberta e a colaboração é crucial para o bom funcionamento da torre de controle.

Processos

A implementação de processos bem definidos e eficientes é fundamental para a operação bem-sucedida da torre de controle logístico.

Isso inclui a padronização de procedimentos operacionais, o estabelecimento de protocolos de resposta a situações de emergência e a integração de diferentes fluxos de trabalho dentro da cadeia de suprimentos.

A otimização dos processos garante uma execução fluida e coordenada das atividades logísticas, resultando em eficiência operacional e satisfação do cliente.

 

Checklist logístico - baixe o material

Como funciona a torre de controle?

A torre de controle logístico é um componente fundamental da gestão moderna da cadeia de suprimentos, fornecendo visibilidade, coordenação e controle aprimorados sobre as operações logísticas. Seus pilares e características centrais incluem:

Visibilidade

A torre de controle logístico oferece uma visão ampla e em tempo real de toda a cadeia de suprimentos, permitindo acompanhar o progresso das operações desde a produção até a entrega final.

Além disso, consolida informações de diferentes fontes e processos em um único painel, proporcionando uma compreensão completa do fluxo de trabalho e das possíveis interrupções.

Análise de Dados

A torre de controle logístico utiliza dados históricos e em tempo real para avaliar o desempenho da cadeia de suprimentos, identificando padrões, tendências e possíveis problemas.

Com as análises avançadas, pode prever demandas futuras, planejar capacidades de transporte e antecipar necessidades operacionais, garantindo a eficiência e redução de custos.

Execução

Identifica possíveis problemas ou atrasos e permite uma intervenção rápida para resolver questões antes que afetem o processo de entrega.

Também permite ajustes imediatos na programação de transporte, roteamento ou alocação de recursos, garantindo a continuidade das operações sem interrupções significativas.

Qual a diferença entre a torre de controle logístico e a central de monitoramento?

Apesar de complementares, existem diferenças entre torre de controle logístico e central de monitoramento:

Torre de controle logístico

A torre de controle logístico oferece uma visão holística e em tempo real de toda a cadeia de suprimentos, abrangendo desde a produção até a entrega final.

Ela coordena e gerencia atividades em todos os aspectos da cadeia de suprimentos, com foco na otimização geral do processo logístico.

Também integra dados de várias fontes e processos em um único local, facilitando a análise abrangente e a tomada de decisões estratégicas para aprimorar a eficiência e reduzir os custos operacionais.

Além do monitoramento, a torre de controle se concentra na coordenação e no aprimoramento contínuo da eficiência, garantindo que todas as atividades da cadeia de suprimentos estejam alinhadas com os objetivos estratégicos da organização.

Central de monitoramento

A central de monitoramento está mais focada em supervisionar um aspecto específico ou limitado das operações, como o monitoramento de segurança, tráfego ou instalações.

Ela se concentra na supervisão de eventos em tempo real e na detecção de problemas imediatos, muitas vezes com o objetivo de garantir a segurança e a conformidade regulatória.

Além disso, a central de monitoramento é projetada para identificar de forma rápida incidentes ou situações de emergência e tomar medidas imediatas para minimizar os danos e garantir a segurança.

Embora ambas desempenhem um papel importante na monitorização e coordenação de operações, a torre de controle possui uma abordagem mais abrangente e estratégica, enquanto a Central de Monitoramento é mais específica e operacional em sua natureza.

Torre de controle e logística 4.0

A logística 4.0 busca pela eficiência operacional através da modernização de processos e da utilização de tecnologias para aprimorar o fluxo de suprimentos de produtos e matérias-primas, assim como o transporte de cargas.

É importante ressaltar que esse conceito se aplica a empresas de todos os tamanhos, pois não está relacionado ao volume de mercadorias armazenadas ou movimentadas, mas sim à inteligência aplicada aos processos de gestão e operação.

Por isso, para atingir os patamares da Logística 4.0, é imprescindível investir em tecnologia e integração de sistemas. Há uma ampla gama de recursos disponíveis que podem elevar o nível das operações logísticas. Confira quais são eles:

  • Internet das Coisas (IoT);
  • Inteligência artificial;
  • Aprendizado de máquina (Machine learning);
  • Computação em nuvem (Cloud Computing);
  • Big Data;
  • Digital twin (gêmeo digital);

Com a torre de controle logístico e o uso dessas tecnologias avançadas, é possível otimizar e colocar em prática a logística 4.0 de forma eficiente.

Benefícios da torre de controle logístico

A torre de controle oferece uma série de benefícios significativos para as operações logísticas e para a cadeia de suprimentos como um todo. Alguns desses benefícios incluem:

  • Acompanhamento logístico em tempo real e visibilidade contínua.
    Melhoria da competitividade e potencial de expansão empresarial.
  • Centralização e atualização dos dados operacionais.
  • Comunicação ágil com os envolvidos no processo.
  • Aprimoramento no planejamento de rotas e gestão de imprevistos.
    Automação de processos e tarefas administrativas, resultando em ganhos de eficiência e produtividade.
  • Análise detalhada dos indicadores de desempenho (KPIs) como tempo médio de transporte, lead time, controle de despesas diárias e estadias, volume de devoluções, entre outros.
  • Apoio para o planejamento estratégico.
  • Agilidade e precisão na tomada de decisões.
  • Maior controle na manutenção da frota e gestão de frete.
  • Aumento do desempenho operacional, maior satisfação do cliente e fortalecimento da imagem e reputação da empresa.
  • Aumento da segurança e redução de sinistros (roubos, acidentes, danos à carga).

Desafios da torre de controle para operadores logísticos

A implementação e operação de uma torre de controle enfrentam uma série de desafios para os operadores logísticos. Alguns dos desafios comuns incluem:

Visibilidade da Operação

Garantir uma visão abrangente e em tempo real de todas as etapas da cadeia de suprimentos é um desafio significativo enfrentado pelos operadores logísticos ao implementar uma torre de controle logístico.

A coordenação eficiente de múltiplos pontos de dados e a consolidação de informações de diferentes sistemas podem ser complexas, em especial em operações logísticas extensas e globalmente dispersas.

Redução de Custos

A busca pela redução de custos operacionais representa outro desafio para os operadores logísticos ao integrar uma torre de controle.

Isso requer a implementação de práticas eficientes de gerenciamento de recursos e a otimização dos processos de transporte e armazenamento, ao mesmo tempo em que se equilibra a manutenção da qualidade do serviço e a satisfação do cliente.

principais-formas-de-reduzir-os-custos-logisticos

Profissionais qualificados

A garantia de uma equipe qualificada e capacitada para operar e interpretar os dados fornecidos pela torre de controle é fundamental, mas pode representar um desafio em termos de recrutamento e treinamento.

A complexidade das operações logísticas modernas exige profissionais experientes em tecnologias avançadas e compreensão profunda das práticas de gestão da cadeia de suprimentos, o que pode ser difícil de encontrar e reter.

Gestão de riscos

A gestão eficiente de riscos ao longo da cadeia de suprimentos é um desafio crítico, especialmente no que diz respeito à segurança dos produtos e à conformidade regulatória.

Os operadores logísticos enfrentam o desafio de identificar e mitigar os riscos potenciais, incluindo a exposição a danos durante o transporte, atrasos nas entregas e questões de conformidade, exigindo a implementação de protocolos de segurança e planos de contingência detalhados.

Requisitos técnicos da torre de controle

Os requisitos técnicos da torre de controle envolvem elementos essenciais para garantir seu funcionamento eficaz e eficiente.

Isso inclui a implementação de sistemas de rastreamento e monitoramento avançados, como tecnologias de sensoriamento, GPS e IoT (Internet das Coisas), que permitem a coleta contínua de dados em tempo real.

Além disso, a integração de sistemas de informação e comunicação é fundamental, garantindo a conectividade de diferentes plataformas e dispositivos que monitoram e acompanham todos os processos da cadeia de suprimentos.

A capacidade de análise de dados em tempo real e a implementação de ferramentas de visualização avançadas são requisitos críticos para interpretar e compreender os dados coletados, permitindo uma tomada de decisão rápida e informada para otimizar as operações logísticas.

Como a torre de controle contribui para o transporte de carga frigorificada

A torre de controle desempenha um papel crucial na garantia do transporte eficiente e seguro de carga frigorificada. Como condições de temperatura controlada para manter a qualidade e a integridade dos produtos perecíveis.

Através de sistemas avançados de monitoramento e rastreamento, a torre de controle pode garantir a supervisão contínua da temperatura dentro dos veículos de transporte, bem como em instalações de armazenamento.

Isso permite a detecção imediata de quaisquer flutuações indesejadas de temperatura e a implementação de ações corretivas imediatas para evitar danos ou deterioração dos produtos sensíveis ao calor.

Dessa forma, além de garantir que os produtos estejam adequados para consumo, ainda conseguem atender aos órgãos fiscalizadores, como Agência Nacional de Vigilância Sanitária (ANVISA).

Como a torre de controle contribui para o transporte de medicamentos?

A torre de controle logístico desempenha um papel fundamental na colaboração para a eficiência do transporte de medicamentos. Isso porque esse tipo de transporte exige condições específicas de armazenamento e manuseio para garantir a eficácia e a segurança dos produtos farmacêuticos.

Por meio de sistemas avançados de monitoramento e rastreamento, a torre de controle logístico pode supervisionar de forma contínua as condições de temperatura e umidade durante o transporte.

Isso garante que os medicamentos sejam mantidos dentro dos parâmetros ideais, atendendo às exigências dos órgãos reguladores como a ANVISA.

Webinar - Descubra como implementar a Torre de Controle Logístico na sua operação - Opentech

Como obter indicadores de desempenho logístico com a torre de controle

Os indicadores de desempenho logístico são fundamentais para que os gestores tenham uma compreensão clara e abrangente de todos os aspectos das atividades da atividade logística da empresa.

As empresas têm flexibilidade para escolher os Indicadores-Chave de Desempenho (KPIs) que são relevantes para suas necessidades específicas, no entanto, existem certos indicadores cruciais para os gestores de logística de transporte.

Alguns desses incluem:

  • O tempo de carga e descarga;
  • O tempo total de parada dos veículos em locais como pátios;
  • Estradas ou centros de distribuição;
  • O número de veículos em carregamento;
  • Transporte ou descarregamento;
  • A otimização dos veículos em cada viagem;
  • A quantidade de faltas e seus motivos.

Esses dados fornecem insights importantes para os gestores, como a porcentagem de otimização em cada viagem, a disponibilidade de caminhões para novas coletas e outras informações que impulsionam melhorias na cadeia de suprimentos.

Soluções e sistemas Opentech

A Opentech oferece uma série de soluções especializadas em logística e segurança para o transporte de cargas. Entre suas soluções, destacam-se:

Open SIL (Sistema Integrado de Logística)

O Open SIL é um software que oferece uma visão abrangente e integrada das operações logísticas, permitindo o acompanhamento e gerenciamento de todos os processos, desde a origem até o destino.

Ele integra informações de diferentes sistemas e etapas da cadeia de suprimentos, possibilitando uma coordenação eficiente e uma tomada de decisão mais informada.

Dashboard Logístico

O Dashboard Logístico da Opentech oferece uma interface visual intuitiva que consolida dados importantes em tempo real, proporcionando insights valiosos e facilitando a análise de desempenho logístico.

Esse painel permite o monitoramento de indicadores-chave de desempenho, rastreamento de frotas, gestão de riscos e o acompanhamento de fluxos de trabalho, contribuindo para uma gestão logística mais eficaz e eficiente.

Controle de Temperatura

A solução de Controle de Temperatura da Opentech é projetada para monitorar e garantir a manutenção de condições ideais de temperatura durante o transporte de cargas sensíveis, como produtos farmacêuticos e alimentos perecíveis.

Por meio de sensores e sistemas de monitoramento avançados, essa solução ajuda a prevenir danos e perdas decorrentes de variações indesejadas de temperatura.

Torre de Controle Logístico Opentech

A Torre de Controle da Opentech oferece uma plataforma centralizada para a gestão e o controle de toda a cadeia de suprimentos.

Ela permite a supervisão contínua, o rastreamento em tempo real e a coordenação estratégica de operações logísticas, facilitando a tomada das melhores decisões para otimizar a eficiência e a segurança em toda a cadeia de valor.

Com suas soluções tecnológicas especializadas, a Opentech desempenha um papel fundamental no aprimoramento da gestão logística, garantindo a segurança, a eficiência e a visibilidade em toda a cadeia de suprimentos.

Ao integrar de forma efetiva a torre de controle logístico, é possível otimizar a visibilidade da cadeia de suprimentos, capacitar a análise de dados para aprimorar a tomada de decisões e facilitar a execução de ações rápidas e precisas para garantir a eficiência contínua e a satisfação do cliente.

Agora que você sabe como implementar a torre de controle logístico na empresa, conte com a ajuda de especialistas para potencializar seus resultados. Clique aqui e converse com o time da Opentech.

To top