Você sabia que o tombamento é um dos principais causadores do sinistro de carga?

Para o gestor de frotas, os prejuízos com sinistro de carga acabam sendo bastante preocupantes. Isso porque ele pode influenciar no orçamento da frota, danos à imagem da empresa e comprometer a entrega dentro dos prazos.

Mas, adotando medidas preventivas, você consegue diminuir ou zerar o número de ocorrências, garantindo a segurança e a eficiência da operação. Além disso, essas medidas também auxiliam na economia de recursos.

Confira a seguir no conteúdo quais são essas ações para evitar o sinistro de carga e como aplicá-las na sua transportadora. Boa leitura!

O que é sinistro de carga e qual a importância da prevenção?

O sinistro de carga é o termo usado para descrever um evento em que ocorre perda ou dano de mercadorias durante o transporte de carga.

Isso pode incluir roubos, acidentes, incêndios, danos causados ​​por condições climáticas adversas, entre outros.

Nesse cenário, a prevenção de ocorrências desses tipos é importante por várias razões.

Em primeiro lugar, a perda de mercadorias pode ser financeiramente prejudicial para as empresas, especialmente se a carga for de alto valor. Isso pode resultar em perda de receita, custos adicionais para repor a carga perdida, além de danificar a reputação da empresa.

Também os sinistros de cargas podem representar uma ameaça à segurança pública, especialmente se envolverem produtos perigosos ou substâncias tóxicas. Se a carga for perdida ou danificada, pode haver riscos à saúde pública ou ao meio ambiente.

Por fim, a prevenção de sinistros é importante para garantir que o transporte de carga seja realizado de forma eficiente e segura.

Quais os principais tipos de sinistros em transportadoras?

Existem vários tipos de sinistro no transporte de cargas que podem ocorrer no deslocamento de mercadorias. Confira os principais a seguir!

Sinistro de carga por roubo

Ocorre quando a carga é roubada durante o transporte. Esse tipo de sinistro é mais comum em áreas urbanas e em rodovias com alto índice de criminalidade.

Para prevenir esse tipo de ocorrência, as transportadoras devem adotar medidas de segurança, como escolta armada, rastreamento de cargas e seguros de carga.

Sinistro de carga por acidente

O sinistro por acidente ocorre quando a carga é danificada ou perdida devido a um acidente envolvendo o veículo de transporte. Isso pode acontecer em caso de colisões, capotamentos ou outros tipos de acidentes que afetem o veículo.

Para prevenir esse tipo de sinistro, as empresas de transporte precisam garantir que seus veículos estejam em boas condições de manutenção e que os motoristas sejam treinados para dirigir de forma segura.

33 dicas para evitar roubo de carga

Sinistro de carga por avarias e danos

O sinistro por avarias e danos acontece quando a carga é danificada durante o transporte, sem que haja um acidente ou roubo envolvido. Isso pode acontecer devido à má armazenagem, falta de cuidado no manuseio da carga ou a condições climáticas adversas.

Para prevenir esse tipo de sinistro de cargas, as transportadoras devem garantir as condições adequadas do veículo, a armazenagem certa para o tipo do produto e a capacitação dos profissionais para o manuseio e transporte.

Sinistro de carga no transporte internacional

Esse tipo de sinistro de transporte de cargas acontece quando a carga é perdida ou danificada durante o transporte internacional. Ele pode ser causado por vários fatores, como problemas na documentação, dificuldades para atravessar a alfândega, condições climáticas adversas e ações criminosas.

Para prevenir o sinistro internacional, as transportadoras devem estar familiarizadas com as leis e regulamentos. Além disso, é preciso garantir que toda a documentação esteja em ordem. Também podem ser tomadas medidas de segurança específicas para cada país ou região.

Quais os procedimentos em caso de sinistro de transporte de cargas

Confira a seguir um procedimento padrão que pode ser adotado em caso de sinistro de cargas na sua transportadora. Acompanhe!

  • Primeiramente, a gestão de transporte deve verificar a segurança do local onde ocorreu o sinistro e garantir que não haja riscos adicionais para as pessoas ou para a carga.
  • Em seguida, deve-se entrar em contato com as autoridades locais, como a polícia ou os bombeiros, dependendo do tipo de sinistro.
  • A empresa deve notificar o cliente imediatamente sobre o ocorrido e informar sobre as medidas que estão sendo tomadas para resolver o problema.
  • Se houver seguros envolvidos, a transportadora deve entrar em contato com a seguradora e informar sobre o sinistro.
  • A transportadora deve realizar uma avaliação da carga afetada e documentar todos os danos ou perdas. Isso pode incluir fotografias, relatórios e outros documentos.
  • Caso a carga precise ser removida do local do sinistro, a transportadora deve providenciar o deslocamento seguro da carga para um local adequado, para evitar maiores danos.
  • Por fim, a transportadora deve adotar medidas para prevenir novos sinistros, analisando as causas do ocorrido e adotando medidas para evitar que isso aconteça novamente.

É importante lembrar que o procedimento em caso de sinistro pode variar de acordo com a gravidade e a natureza do incidente.

Por isso, as transportadoras precisam ter um plano de contingência em caso de ocorrências, envolvendo treinamento adequado para os motoristas lidarem com a situação.

Como diminuir ou zerar o número de ocorrências de sinistro na frota

Para diminuir ou até mesmo zerar o número de ocorrências de sinistro na frota, é importante adotar uma série de medidas preventivas. Acompanhe!

Treinamento de motoristas

Garantir a eficiência dos motoristas é essencial para uma operação mais segura e com menos riscos. Por isso, o treinamento se torna um forte aliado. Você pode promover capacitações focadas em:

  • técnicas de direção defensiva;
  • respeito às leis de trânsito;
  • manobras de segurança;
  • condução em condições adversas, entre outros aspectos.

Motoristas bem treinados podem evitar acidentes e diminuir o número de sinistros.

Webinar: Prevenção de Acidentes: treinamentos e capacitação na prática - Opentech

Manutenção nos veículos da frota

Quando o assunto é reduzir o sinistro cargas é fundamental acompanhar e garantir que as manutenções preventivas sejam feitas regularmente. Dessa forma, é possível manter os veículos em boas condições mecânicas e elétricas.

Isso pode prevenir falhas no caminhão que acabam aumentando as chances de acidentes ou danos à carga.

Rastreamento e monitoramento da viagem

Os sistemas de rastreamento e monitoramento também auxiliam a identificar comportamentos que podem colocar em risco a operação.

Além disso, também é possível monitorar o desempenho dos veículos em tempo real e as paradas realizadas durante o transporte da carga. Isso pode ajudar a identificar situações de risco e prevenir acidentes e roubos.

Mapeamento de riscos

Mapear os riscos facilita na hora de adotar medidas assertivas de prevenção. Por exemplo, se a rota passa por uma região de alto índice de criminalidade, é indicado solicitar escoltas armadas ou rotas alternativas mais seguras.

Programa de Prevenção de Acidentes (PPA)

Outra forma de evitar sinistro de carga é implementar um programa de prevenção de acidentes, com foco em:

  • práticas seguras de condução;
  • monitoramento dos motoristas e veículos;
  • treinamentos;
  • campanhas de conscientização, entre outros aspectos.

Assim, um PPA bem estruturado pode ajudar a reduzir significativamente o número de sinistros na frota.

Essas medidas preventivas podem ser adotadas em conjunto para criar uma cultura de segurança na empresa. Uma transportadora que já incorpora medidas para criar essa cultura, diminui os índices de sinistro e garante a qualidade do serviço.

Viu como é possível diminuir o sinistro de cargas? Ao contar com as ferramentas e soluções tecnológicas certas, você consegue monitorar as atividades e encontrar as melhores soluções para evitar os perigos encontrados nas estradas.

Para montar um plano de gerenciamento de riscos completo para a sua transportadora, com soluções de alta tecnologia, conte com a nossa equipe. A Opentech é referência na gestão de risco e logística, oferecendo mais controle e segurança à operação. Clique aqui e converse com nossos especialistas.

To top