A rastreabilidade de medicamentos é uma ferramenta fundamental para garantir a segurança e a qualidade desses produtos.

No entanto, sua implementação enfrenta diversos desafios, que podem afetar o processo e comprometer sua capacidade de prevenir desvios e fraudes.

Confira no conteúdo abaixo como a rastreabilidade de medicamentos otimiza o transporte de carga e como superar os principais desafios desse setor. Boa leitura!

O que diz a Lei sobre rastreabilidade de medicamentos

A rastreabilidade de medicamentos é regulamentada no Brasil pela Lei n.º 11.903/2009, que instituiu o Sistema Nacional de Controle de Medicamentos (SNCM).

Outra norma que define diretrizes para a rastreabilidade de medicamentos é a RDC 319/2019.

De acordo com essas normas, a rastreabilidade de medicamentos consiste na capacidade de identificar e acompanhar o deslocamento de um medicamento. Isso inclui toda a cadeia produtiva, desde o início até o seu destino.

Mediante informações registradas no sistema de rastreamento, o medicamento pode ser acompanhado para evitar perdas durante a sua cadeia produtiva.

Como deve funcionar a rastreabilidade de medicamentos

O processo de rastreabilidade começa na etapa de produção, onde cada medicamento recebe uma identificação única, como um código de barras bidimensional.

Esse código contém informações como o número de lote, a data de fabricação, a validade e o número de registro na Anvisa.

Essas informações são registradas no SNCM, permitindo a rastreabilidade completa do medicamento ao longo da cadeia de suprimentos.

Assim, todas as transações que envolvem a movimentação do medicamento devem ser registradas no sistema, incluindo a compra, venda, distribuição, transporte e dispensação.

Os elos da cadeia de suprimentos (fabricantes, distribuidores e dispensadores) são responsáveis ​​por manter o registro atualizado no SNCM. Dessa forma, as informações são transmitidas por meio de sistemas eletrônicos integrados, permitindo o compartilhamento de informações em tempo real.

A rastreabilidade de medicamentos também identifica possíveis desvios ou irregularidades, como a entrada de medicamentos falsificados na cadeia de suprimentos.

Caso seja identificado algum problema, as informações registradas no sistema permitem que os medicamentos sejam rastreados até o seu ponto de origem.

Todas essas ações contribuem para garantir a segurança e a qualidade dos medicamentos comercializados no Brasil.

Como a rastreabilidade de medicamentos acontece no transporte de cargas

Durante o transporte de carga, cada lote de medicamento recebe um número de identificação único, registrado no SNCM. Além do número, também são identificadas informações como o nome do produto, data de fabricação, prazo de validade, fabricante e distribuidor.

Essas informações são mantidas em um banco de dados centralizado, que pode ser acessado por autoridades reguladoras e empresas da cadeia de suprimentos.

Ao longo do transporte, os medicamentos são monitorados e registrados em cada etapa do processo, desde a saída do fabricante até o destino.

Quais os principais desafios da rastreabilidade de medicamentos

A rastreabilidade de medicamentos é um processo complexo que precisa seguir as normas e colocar em prática ações eficientes de rastreio e monitoramento. Alguns dos principais desafios enfrentados na implementação da rastreabilidade de medicamentos incluem as questões abaixo. Confira!

Bancos de dados para reunir uma grande quantidade de informações

A rastreabilidade de medicamentos envolve o registro de um grande volume de informações ao longo da cadeia de suprimentos.

Para garantir o trânsito do processo, é necessário ter sistemas robustos e seguros para armazenar e gerenciar esses dados.

Investimento em equipamentos de rastreabilidade

A identificação única de medicamentos requer o uso de tecnologias de rastreabilidade. Dentre elas estão o uso de códigos de barras bidimensionais e RFID (Radio-Frequency Identification — ou identificação por radiofrequência).

Para implementar essas tecnologias, é necessário investir em equipamentos e infraestrutura adequados. Você também pode contar com a ajuda de uma gerenciadora de riscos especializada em rastreamento de cargas frigorificadas e operações de medicamentos, como a Opentech. Confira aqui a nossa solução para rastreamento.

Softwares eficientes para um maior controle de toda a cadeia produtiva

Além dos equipamentos, é necessário ter softwares eficientes para o registro e gerenciamento das informações ao longo da cadeia produtiva.

Esses sistemas conseguem a segurança dos dados e a integração deles com a cadeia, possibilitando a identificação de desvios.

Confira nosso material exclusivo feito por especialistas sobre Sistemas de gestão logística: principais soluções e vantagens.

Gestão de mudança nos setores da empresa

A implementação da rastreabilidade de medicamentos envolve mudanças na forma como as empresas operam. Por isso, a gestão deve garantir a aquisição das tecnologias adequadas e também treinar toda a equipe envolvida no processo.

Roubos de medicamentos

Os principais desafios da rastreabilidade de medicamentos no roubo de cargas incluem a necessidade de infraestrutura adequada para identificar possíveis falsificações de informações.

Isso se dá devido à falta de padronização dos processos entre os diferentes elos da cadeia produtiva. Além disso, também há uma urgência no treinamento e conscientização dos profissionais envolvidos no processo.

A rastreabilidade pode enfrentar dificuldades em identificar rapidamente desvios ou irregularidades na movimentação dos medicamentos, especialmente em casos de roubo planejado.

Panorama de acidentes e roubos no segmento de fármaco

Por isso, uma empresa especializada em gerenciamento de riscos no setor de fármacos é essencial para aumentar a segurança.

Um sistema de rastreabilidade bem executado traz agilidade, segurança e eficiência para a operação de transporte. Além disso, evita prejuízos como perda de carga por falta de qualidade ou em decorrência de roubos e furtos.

A Opentech é especialista em recuperação de carga roubada e aplicação de medidas de prevenção com foco em rastreamento, monitoramento e eficiência logística.

Apresentamos soluções aliadas à mais alta tecnologia para garantir a eficiência da operação dos nossos clientes. Clique aqui, converse com nossos especialistas e confira como nossos sistemas podem trazer mais economia, agilidade e segurança para sua transportadora.

To top