|

Adotar medidas preventivas que minimizem as chances de imprevistos durante a viagem é uma precaução que deveria ser rotina para todo motorista, principalmente com uso do checklist.

Para auxiliá-los neste sentido, a Opentech oferece o checklist, que funciona por meio do Open SIL, o Sistema Integrado de Logística da empresa.

Objetivo do checklist

O objetivo do checklist é diagnosticar possíveis equipamentos com problemas.

A checagem é feita por meio de testes nos sensores/atuadores e periféricos do veículo e possibilita constatar o funcionamento adequado dos equipamentos.

Outra vantagem do checklist é que ele atende às exigências das apólices de seguros, que estão cada vez mais detalhistas quando o assunto é a segurança.

Aplicação na prática para o motorista

Segundo a analista de negócios em gestão de produto da Opentech, Paula Daniela Buciano, a adesão à nova ferramenta vem surpreendendo desde o lançamento.

“O cliente que realiza o checklist tem benefícios visíveis, entre eles a diminuição de surpresas desagradáveis no decorrer da viagem, como problemas no funcionamento de algum equipamento e identificação de danos antes de iniciar uma viagem. Além disso, a Opentech auxilia o cliente a ficar de acordo com a apólice de seguro, assim como promover a gestão da frota do segurado”, diz.

Paula lembra que antes o cliente precisava enviar um e-mail solicitando a realização dos testes e aguardar um retorno da Central de Rastreamento com o agendamento do horário para realizar a conferência.

“Hoje, o cliente já faz o agendamento direto pelo sistema Open SIL e pode acompanhar todo o processo, desde o agendamento até a expiração do check list, ou seja, a data para renová-lo, de acordo com os prazos definidos em apólice e Plano de Gerenciamento de Risco (PGR)”, conclui.

Conte com a Opentech para mais soluções para desenvolvimento dos profissionais do mercado do transporte rodoviário de cargas!

To top