Você costuma utilizar o checklist de veículo da sua operação? Este é necessário para diminuir os riscos que podem afetar a segurança na transportadora.

Essa ferramenta e a aplicação de um Programa de Gerenciamento de Riscos (PGR) são fundamentais para mitigar o risco, seja na prevenção do acidente ou roubo.

Diante dos desafios no transporte de cargas, garantir a segurança e a eficiência da operação melhora a reputação da empresa em um mercado concorrido.

Portanto, confira no conteúdo abaixo, o que precisa ter no checklist de veículo e na aplicação do PGR para garantir a segurança da frota, reduzir custos e aumentar a eficiência da operação. Boa leitura!

Qual o papel do checklist veicular na prevenção e segurança da frota?

O checklist do veículo é uma lista de verificação, visando garantir que o caminhão esteja em condições seguras para rodar. Ele é uma ferramenta importante para a prevenção de acidentes e para manter a frota em bom estado de conservação.

Além de garantir a segurança dos passageiros, o checklist veicular também ajuda a reduzir os custos com manutenção preventiva e corretiva.

Portanto, a realização periódica do checklist detecta e corrige problemas antes que eles se tornem mais graves e mais caros para a empresa.

O que deve compor o checklist veicular para evitar riscos

O checklist veicular deve ser elaborado de forma completa e criteriosa para garantir a segurança do motorista e da carga.

Abaixo estão alguns dos itens que não podem faltar no checklist de veículos da frota. Confira!

  • Sistema de freios: verificação do funcionamento adequado do freio de estacionamento, do freio de serviço e do freio de emergência.
  • Pneus: verificação da pressão dos pneus, do desgaste e da profundidade dos sulcos.
  • Luzes: testar o funcionamento adequado das luzes de freio, lanternas, faróis, setas e luzes de ré.
  • Cintos de segurança: checar o estado e funcionamento adequado dos cintos de segurança.
  • Vidros e retrovisores: checar o estado e funcionamento adequado dos vidros e dos retrovisores.
  • Nível de óleo e água: verificação do nível de óleo do motor, do fluido de arrefecimento e do fluido de freio.
  • Sistema elétrico: testar o funcionamento adequado do sistema elétrico do veículo, incluindo bateria, alternador e fusíveis.
  • Sistema de ar condicionado: verificação do funcionamento adequado do sistema de ar condicionado.
  • Itens de emergência: verificação da presença e do funcionamento adequado dos itens de emergência, como extintor de incêndio, triângulo de sinalização e macaco.
  • Direção: testar o estado e o funcionamento adequado do sistema de direção, incluindo a caixa de direção, a direção hidráulica ou elétrica e as rodas.
  • Equipamento de Rastreamento: verificação dos sensores e atuadores obrigatórios conforme operação.

O checklist deve ser elaborado conforme as especificações do fabricante e com as normas de segurança estabelecidas pelas autoridades de trânsito.

A checagem desses pontos é feita por profissionais capacitados e regularmente para garantir a segurança da frota.

Para um bom desempenho de sua frota é importante manter o checklist em dia.

Quais as vantagens de usar o checklist do veículo na frota?

O uso do checklist veicular traz diversas vantagens para as empresas que possuem frota de veículos. Confira quais são elas:

Maior segurança

O checklist do caminhão garante que os veículos estejam em boas condições de funcionamento e segurança. Isso faz com diminua os riscos de acidentes tanto para a empresa quanto envolvendo outros agentes de trânsito.

Redução de custos no checklist do veículo

O checklist permite detectar e corrigir problemas antes que eles se tornem mais graves e mais caros de serem reparados. Com isso, há uma redução nos custos com manutenção preventiva e corretiva.

Infográfico - principais formas de reduzir os custos logísticos - Opentech

Mais eficiência e produtividade

A realização do checklist veicular garante o bom funcionamento da operação, eliminando riscos de manter os caminhões parados e a ociosidade da frota.

Mais agilidade

Com os veículos em boas condições, é possível planejar as rotas de forma mais eficiente, evitando atrasos e reduzindo os custos com transporte.

Como aumentar a segurança e reduzir custos da frota

Existem várias medidas que podem ser adotadas para aumentar a segurança e reduzir custos na frota de veículos. Abaixo estão algumas das principais!

Usar o checklist do veículo e manter a manutenção em dia

Como já mencionado, a realização do checklist veicular e a manutenção preventiva e corretiva são fundamentais para garantir a segurança.

Além disso, a adoção dessas medidas também garante a redução de custos com o reparo tardio dos caminhões, que costuma ser mais caro.

Dessa forma, o controle de manutenção deve ser seguido, garantindo que as revisões sejam realizadas de forma periódica e segundo as especificações do fabricante.

Utilizar tecnologias de rastreamento e monitoramento em tempo real

A adoção de sistemas de rastreamento e monitoramento em tempo real permite que a empresa monitore a frota e identifique possíveis problemas.

Os principais desafios a serem monitorados e ajustados são os desvios de rota, excesso de velocidade, paradas desnecessárias, entre outros.

Informações dos sistemas de monitoramento ajudam a minimizar os erros, aumentando a segurança dos veículos e reduzindo custos com combustível e manutenção.

Investir no treinamento de motoristas a partir do checklist do veículo

Os motoristas são uma peça-chave na segurança da frota. O investimento em treinamento incentiva a boa performance e a economia na operação.

Essa redução de custos pode ser com manutenção de caminhões quebrados, prevenção de multas e infrações, perda de carga danificada.

Além disso, também aumenta a segurança na frota, contribuindo para a prevenção de acidentes e o cumprimento da legislação.

Webinar: Prevenção de Acidentes: treinamentos e capacitação na prática - Opentech

Aplicar o Programa de Gerenciamento de Riscos (PGR)

O PGR é uma metodologia cujo objetivo é identificar, avaliar e gerenciar os riscos associados à operação.

A aplicação do PGR pode ajudar a empresa a adotar medidas preventivas e corretivas que aumentem a segurança dos veículos e dos colaboradores.

Agora que você sabe como um checklist do veículo pode contribuir para a redução de riscos e otimização da sua frota, siga essas dicas e torne os processos mais fáceis de gerenciar!

Para isso, conte com a Opentech. Somos líderes em gerenciamento de riscos e temos a nossa própria solução de checklist veicular totalmente digital. Através dele, você garante agilidade e comprometimento dos colaboradores no uso dessa ferramenta.

Clique aqui, converse com nossos especialistas e saiba como adotar esse recurso para a segurança da sua operação.

To top