|

Os índices de acidentes de trânsito no Brasil, em tempos normais, já são alarmantes, com mais de 45 mil mortes por ano, que foram influenciados pelo transporte de cargas na Covid-19.

Esses acidentes de trânsito representam o 7º colocado no ranking de causas de mortes no Brasil, segundo o Ministério da Saúde.

Com o atual cenário de pandemia do covid-19, os índices estão cada vez piores.

A crise sanitária, acompanhada da crise econômica, refletem fortemente no setor logístico e consequentemente mexem com a classe profissional que faz este segmento girar, os motoristas profissionais.

Toda essa situação tem mexido com a questão psicológica desses profissionais, que muitas vezes ficam à mercê de condições precárias de trabalho, falta de remuneração e sem estrutura psicológica para lidar com o momento, resultando em falta de atenção no trânsito, estresse, fadiga, pensamentos de preocupação com a família, levando a ações inadequadas ao volante.

Aumento de acidentes no transporte de cargas na Covid-19

Mesmo com a redução do número de viagens no último mês, na base de clientes da Opentech, houve um aumento de 6,5% de ocorrências de acidentes de trânsito.

Mais de 60% dos eventos estão concentrados em três classificações: tombamentos (31%), colisão (26%) e abalroamento (11%).

Quanto aos produtos dos acidentes, destaque para os alimentícios, que representam 55%; em segundo lugar, artigos de higiene/limpeza e farmacêutico – segmentos que foram impulsionados pela situação de quarentena.

Esses fatos confirmam a estatística mundial, onde, o fator humano está presente em 90% dos acidentes de trânsito, ou seja, isso nos leva à conclusão de que o foco das ações de prevenção de acidentes de trânsito deve ser no motorista, com ações conjuntas de informação, conscientização, valorização e apoio.

Prevenção nunca sai de moda

A Opentech, através do seu Programa de Prevenção de Acidentes (PPA), constantemente enfatiza algumas dicas de prevenção que podem salvar vidas, e nesse momento crítico que vivemos por conta dessa pandemia, é necessário que todos parem e reflitam em suas ações.

São dicas simples, mas necessárias para evitar acidentes e garantir a segurança de todos na estrada:

  • Jamais usar celular enquanto dirige. O uso do celular aumenta em 400% o risco de acidentes;
  • Respeitar a sinalização da via, não exceder a velocidade permitida e estar atendo aos pontos de ultrapassagem segura;
  • Dormir pelo menos 8 horas antes de iniciar uma viagem;
  • Cuidar da alimentação e evitar bebidas alcóolicas – se beber, não dirija!
  • Manter a revisão do caminhão em dia e estar atento à calibragem dos pneus e o acondicionamento da carga.

E neste momento de pandemia, algumas dicas extras são importantes:

  • Higiene pessoal – lavar frequentemente as mãos com água e sabão, manter um frasco de álcool em gel na cabine, usar um lenço descartável antes de tossir ou espirrar;
  • Limpeza da cabine – a cabine do caminhão é a segunda casa do motorista profissional, por isso, vale lembrar da importância de manter limpo e esterilizado, evitar fazer refeições dentro do caminhão e manter os utensílios e pertences organizados;
  • Evitar contato pessoal – o distanciamento social é necessário nesse momento, evitando abraços e apertos de mão. Nunca esquecer de usar máscara em postos de paradas ou qualquer outro ambiente que esteja com mais pessoas.
  • Cuidar da sua saúde mental – evite assistir ou ler notícias de mortes e tragédias, procure ocupar a sua mente com notícias positivas, leitura de bons livros e procure conversar com pessoas que sejam otimistas e mantenham conversas agradáveis.

Sabemos que o momento é crítico no Brasil e no mundo, mas minimizar os fatos e passar por isso de forma mais leve depende de todos nós, independente de classe social, cor, raça ou credo religioso, afinal, somos todos igualmente afetados pela mesma situação e o nosso foco deverá sempre ser a vida.

Caro leitor, que bom que você chegou até aqui, e como forma de agradecimento, queremos oferecer a você acesso gratuito aos nossos treinamentos de prevenção de acidentes no mês de maio, lembrando que este é o mês da campanha internacional de conscientização para a redução de acidentes no trânsito, o Maio Amarelo, e a Opentech apoia essa causa.

To top